outubro 24, 2019

Uma desilusão: a Igreja

A mania de desenterrar cadávers da esquerda espanhola não passou desde a guerra civil: são os mesmos! Perderam a guerra e ainda não perceberam porquê.

A transição do regime de Franco para a "Democracia" foi celebrada com um acordo para enterrar os fantasmas da guerra civil e agora andam a trazê-los à tona.

Rajoy podia ter acabado com a "Memória Histórica" e não cabou. O PP podia ter-se manifestado com este festim de necrofilia e não o fez.

A Igreja Católica podia ter-se oposto -bastava lembrar o martírio do Bispo Ascêncio em Madrid- e não o fez: como dizia um comentador hoje "só entenderão quando queimarem a conferência episcopal com eles lá dentro".


1 comentário:

Da Serra disse...

E o nojo da reportagem falada da TVI???
Fascista para aqui, ditador para ali, só lhes faltou chamar filho da puta!!!