dezembro 22, 2012

Benghazi

Parece que o Presidente queniano, de certidão falsa além de tudo o resto completamente falso, já escolheu os bodes expiatórios de Benghazi depois do Patreus e seus affairs. Kerry, um menino bem, já tem uma pastinha. Para a Defesa fala-se de um filo-nazi com simpatias das Irmandades.

Sobre Hilary fica o penteado Benghazi: um must também em muitos políticos europeus de pêlo curto, traidores puros e simples, carteira longa, guarda-costas à porta e motorista.

1 comentário:

I. B. disse...

http://www.publico.pt/multimedia/infografia/palestina-um-estado-ocupado-27

O Público torna-se definitivamente nazi.