abril 30, 2016

Já vi este filme

O Costa -em discurso recente- promete não haver cortes, nem sacrifícios nem austeridade.

Como esta cena lembrou o patético Sócrates, ao lado de uma múmia chamada de Ministro das Finanças, quando anunciou mais uma bancarrota socialista e a chegada da Troika.

Costa ainda não percebeu que os portugueses não acreditam nele: a confiança não cresce e o consumo privado - a fugosa montada deste Frankenstein chamado governo- afinal regride.

O futuro é negro e já se vê mais perto que o que pareceria!

1 comentário:

FireHead disse...

Mas aí em Portugal já houve manifestações dos "indignados" com este governo? Parece que ainda não, né? Como é que poderia haver, com o Louçã, a Catarina Martins e o Jerónimo nas ruas com a população?