maio 18, 2016

As carpideiras da Dilma

Tem sido um frenesim pelas TVs portuguesas em carpir a terrorista de dentes à castor empichada recentemente. A campanha assume múltiplas facetas:
  • Dilma foi de fim de semana com a família para o seu apartamento (humanizar a criatura ex-terrorista e parceira de assassinos como pessoa honesta e remediada);
  • Ouvir várias vezes, e passar sketches, dos avençados da porta dos fundos aos quais acham muita graça;
  • Encostar o microfone a uma casta de artistas que nada produzem e, por viverem do subsidio petista, andam em desespero;
  • Lamentar o cancelamento da construção de 11 000 casitas num programa intitulado "Minha casa minha vida" (quantos delirios de linguagem após Lula ter dito que ia acabar com a favela)
  • Esquecer o Sr. Dirceu condenado a 23 anos de prisão por corrupção.
  • E, mais .............. muito mais!
Mais um pesadelo marxista  que termina em desordem, roubo, corrupção, destruição da economia, mais pobreza e um leque enorme de bandoleiros socialistas ricos.

1 comentário:

Oliveira da Figueira disse...

O que essa corja queria era que o Brasil se tornasse outra Venezuela. Já quando o Egipto correu com a Irmandade Muçulmana foi a mesma choradeira da Esquerda. Essa malta gosta é de ver o povo com fome e a levar nas lonas.