fevereiro 03, 2016

A sacanagem que destroi a Europa, os seus povos e a democracia

Os lideres dos países europeus e da União Europeia perseguem países como a Eslovénia, a Polónia, a República checa e a Hungria por estes quererem cumprir um programa de governo para o qual foram eleitos por maiorias muito claras seguindo todas as regras da democracia.

Contudo estes mesmos lideres europeus recebem com pompas e abraços Raul Castro e os dirigentes do Hamas (para não falar dos ditadores árabes).

  • Em Cuba há mais de 50 anos que não se realizam eleições livres, as prisões estão cheias de opositores ao regime e as execuções sumárias estão bem presentes na memória de todos. Os passos para a democracia foram nenhuns e a liberdade continua a ser nula.
  • O Hamas tomou Gaza há dez anos, executou sem rebuço os dirigentes do partido opositor, não mais convocou eleições, executa sumariamente quem se lhe opõe, levou os habitantes a várias guerras inúteis com Israel, gasta as generosas ajudas em putas, vinho verde, contas bancárias e túneis para atacar os vizinhos, mantem o Povo na miséria absoluta para reinar sem limite, não dão pingo de liberdade de imprensa, expõe crianças a cenários de guerra, usa-as para atentados bombistas e casa meninas de 10 anos com esfaimados machos.

Esta gente tem o meu desprezo, detesto o que dizem, alegro-me com tudo o que os aborreça e desejo-lhes o destino que merecem: o opróbrio dedicado aos falsos e hipócritas. Não se constrói uma Europa digna dos seus povos com estes sacanas e as suas tropelias.

1 comentário:

Oliveira da Figueira disse...

O Rei vai nu! Como é que as pessoas podem não ver, gaita!!!