maio 20, 2013

Adoração..

... por um individuo que quase conseguiu entregar o país ao imperialismo soviético e à sua inenarrável lista de crimes que já se preparavam em Portugal. Prisões sem mandato, listas de morte, violência, intimidação, censura, destruição da economia ... vimos todo o filme do Chile, Cuba e Zimbábue em poucos meses.

Conseguiu ainda assim mergulhar as províncias ultramarinas em guerras civis que ceifaram mais de 1 milhão de vidas e continuam entregues a brutais regimes totalitários de generais e políticos corruptos.

Não vale a pena lembrar Cunhal.

1 comentário:

I. B. disse...

100$ de acordo. Tem a duvidosa qualidade da coerência - a que eu chamaria casmurrice, mas enfim.

I.B.