janeiro 31, 2016

Polónia sob pesado ataque

As últimas eleições varreram a esquerda da Polónia e instalaram um governo progressista: aquele que respeita os valores da vida humana, da família natural, da dignidade e não dá privilégios nem propaganda aos lobbys gay e às ideologias de género.

A EU maçónica e socialista e os vampiros do Parlamento Europeu  andam desesperados. A Polónia não abdica dos seus valores nem aceita pagar com o dinheiro dos contribuintes todos os desmandos dos órgãos de comunicação social públicos que promoviam  grupos de pressão e propaganda ideológica.

Esperemos que os dirigentes polacos não sejam assassinados como aconteceu na Áustria.

Viva a Polónia.


Por qué odian tanto a Polonia

 



2 comentários:

Oliveira da Figueira disse...

Espero que a população do Mundo Livre vá abrindo os olhos e percebendo que não pode confiar nos jornaleiros, que são, uns ignorantes, outros tendenciosos, outros apenas parvos.

Cada vez mais gente confia na Comunicação Social alternativa, sem agenda esquerdizante, a que está na Internet e que um dia destes pode assumir outras formas.

Anónimo disse...

Muito bem lembrado o caso austríaco. Esta UE é liderada por uma canalha de burocratas corruptos e de pervertidos, tal como o nosso país.