janeiro 24, 2014

Justiça

Manuel Alegre, radialista em Argel e em Portugal o que lhe valeu uma de duas boas reformas, poeta nos tempos livres e político desde sempre nos restantes, processou João José Brandão Ferreira, Tenente Coronel aviador que lhe terá chamado traidor.

Manuel Alegre, campeão de defesa das liberdades, vem de um partido cujos camaradas têm notável curriculum a insultar o Sr. Presidente da República com adjectivos em que "corifeu" é apenas um dos muitos. Manuel Alegre mostra uma fibra moral digna da reprovação com que mimoseou os camaradas de partido.



1 comentário:

I. B. disse...

O Manuel Alegre chegou a acabar o curso, ou nem sequer começou? Naquele partido há uma sede de habilitações literárias tão grande, que até as inventam. E que tal ele processar quem chama a atenção para esse facto?

Abraço,

I.B.