novembro 25, 2014

Irra...

O Gambrinus ou o Eleven vão abrir uma sucursal em Évora: uma larga janela de oportunidades aberta para o Turismo dos endinheirados e para observar e escutar o "cante alentejano". O Vieira da Silva precisa de espevitar ... coitado estava quase a chorar!

Miguel Sousa Tavares acha que a prisão preventiva é excessiva: um rapaz anilhado, com o telemóvel vigiado e confinado a casa é incapaz de escrever umas cartas com lapiseira Bic, usar a banda do cidadão e fazer sinais de fumo ou simplesmente mandar uns recados pela mulher da limpeza cuja esfregona vem recheada  com notas de 500 Euros.

Soares, um especialista em malas recheadas, não cabe em si de desapontamento: que desastrado o camarada de partido. Há trinta anos ele fazia bem melhor.

3 comentários:

carneiro disse...

MST tinha que debitar a reacção oficial da maçonaria: criticar as regras da prisão preventiva que eles próprios criaram e que nunca pensaram que se aplicariam aos próprios.

FireHead disse...

Eu gostava de saber qual é o segredo para a longevidade do Mário Soares. Será que é a ruindade?

I. B. disse...

Só em refeições para os Soares todos é uma mina :)