outubro 01, 2015

O amor atrai as bombas

Israel ataca o Hezbollath mas as bombas caem em cima de um casamento
A Arábia Saudita ataca o Yemen lá cai a bomba numa tenda com um casamento
Os EUA bombardeiam os Talibãs: pimba uma bomba em cima de um enlace
A Rússia ataca os rebeldes e, pimba, bomba em cima da festa de um casamento.

2 comentários:

FireHead disse...

A solução é, claramente, não haver casamentos.

Oliveira da Figueira disse...

Realmente, os tipos estão a ficar sem ideias...

Dão a notícia do massacre no casamento, juntam umas imagens de arquivo ou uns mortos daqueles que se mexem p'ra caramba, e a papinha envenenada é servida a milhões de ingénuos.

Oliveira