junho 27, 2018

Supremo Tribunal dos EUA

Em poucos dias arrasou o supremacismo LGBT, a indústria do aborto e a lábia esquerdista:
  • Pasteleiro pode recusar-se a fazer bolos para emparelhamentos do mesmo sexo (ou género, ou ... sei lá);
  • Não é lícito que clínicas na Califórnia façam a promoção do aborto como uma nova pastilha elástica com sabor a menta;
  • O Presidente Trump pode impor controlos às entradas nos EUA dos países envolvidos na promoção do terrorismo. Um ridículo para os comissários democratas disfarçados de juízes estaduais.
A TV nem fala nisso! Que bronca!

1 comentário:

Da Serra disse...

Gostei!!!